Pesquisar este blog

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Pontos de vista?

Um dos maiores problemas da humanidade é pensar que o bem e o mal são pontos de vista.
Você pode realizar algo que é benéfico para você, mas maléfico para o próximo, e, na maioria das vezes, ao invés de nos colocarmos no lugar do outro deixamos nosso egoísmo prevalecer.
As pessoas gostam apenas de se autodefender, mas nunca de se autojulgar, e se o praticante do mal e seus cúmplices são a maioria o praticante do bem e da justiça sai perdendo.
Isso ocorre em nossa sociedade e dia-a-dia, as pessoas estão cada vez mais egoístas, estão sempre dispostas a culpar e nunca a admitir, perdemos nossas vidas pensando que o importante é o nosso bem estar, e que quando praticarmos o mal, se tivermos argumentos bons e aliados, sempre venceremos.
Para nos manter vencedores não admitimos nossos erros e não defendemos acertos dos outros, até onde teremos de chegar para entender que o certo e o errado não se baseia na qualidade dos argumentos mas sim veracidade e lógica dos mesmos.
Nosso sucesso e felicidade depende dos outros,  acreditamos que sozinhos conseguiremos tudo... Em um mundo de sete bilhões de pessoas.
O mal que defender pode ser sua ruína quando você depender da pessoa que fez o bem e você o contrariou.
Nunca acredite que você venceu usando argumentos bons para defender o errado, pois isso jamais será uma vitória, será apenas uma trapaça baseada na covardia e orgulho.
Sempre transformamos as coisas no que queremos que sejam quando não há ninguém tão esperta ou aceita para dizer e provar o contrário.
Nos falta enxergar o bem e o mal como sendo eles mesmos, não o que queremos que sejam.